sábado, 23 de maio de 2009

PENSANDO COM EINSTEIN...

" O mundo é um lugar perigoso para se viver,
não por causa daqueles que fazem o mal,
mas sim por causa daqueles que observam
e deixam o mal acontecer."
Autor: Albert Einstein
Foto: Guerra do Iraque: site www.medicinaintensiva.com.br

14 Comentários:

Blogger poetaeusou . . . disse...

*
e eu reforço;
,
"Só duas coisas são infinitas, o universo e a estupidez humana, embora quanto ao Universo eu
tenha muitas dúvidas"
,
in - Albert Einstein,
,
conchinhas
,
*

23 de maio de 2009 às 07:50  
Blogger anad disse...

Estou consigo amiga. E essa frase que colocou no post assim como a imagem são essenciais para a compreensão do que se passa no mundo.
Bem haja.
Anad

23 de maio de 2009 às 12:00  
Blogger rosa dourada/ondina azul disse...

Bela postagem que nos dá que pensar...


Beijinhos,

23 de maio de 2009 às 14:24  
Blogger Duarte disse...

Uma triste realidade sem nenhuma dúvida.
Algumas vezes temos uma certa sensação de medo à hora de intervir, a titulo individual, não é o mesmo em grupo.
Temos aqui um caso que reafirma as minhas palavras. Sendo num plano diferente, mas sim o da intervenção. Uma pessoa intervém ao presenciar que um homem está a dar uma grande coça a uma mulher, o resultado foi uma ira atroz sobre que o deixo em estado de coma, agora, um ano mais tarde, parece que ressurge à vida...

Recebe todo o meu afecto num beijo

23 de maio de 2009 às 15:18  
Blogger Meg disse...

Maria Faia,

Se é perigoso!
E além dos que Einstein refere, há aqueles que a troco de um prato de lentilhas, promovem o mal e a desgraça do seu próximo, por mais longínquo que este se encontre.

Um bom fim de semana para ti, Maria Faia!

23 de maio de 2009 às 18:04  
Blogger O Guardião disse...

É um lugar perigoso como perigosos são os que só se importam consigo próprios.
Cumps

23 de maio de 2009 às 21:55  
Blogger SILÊNCIO CULPADO disse...

Maria Faia

Que grande pensamento e que diz tudo. Todos nós somos culpados porque não dissemos nem fizemos o suficiente para impedir que tantas barbaridades aconteçam.
O título do meu blogue quer dizer exactamente isso. Mas eu tenho a pretensão, ainda que muito modesta, de romper o silêncio culpado e, por isso, grito. Fico preenchida porque encontro muitos ecos e muitas vozes que gritam comigo. Algumas vão à minha frente e até gritam mais alto e eu oiço-as e sigo-as e penso que nem tudo está perdido.
Este espaço é um dos pontos brilhantes que trago como referência.

Abraço

23 de maio de 2009 às 22:30  
Blogger Mar Arável disse...

Na verdade não basta ter razão

é preciso intervir

23 de maio de 2009 às 23:02  
Blogger Jorge P.G disse...

É exactamente isso que eu penso e de que vejo exemplos diários em todos os sectores da convivência humana.
Cada vez gosto mais dos animais não falantes.

Saudações

24 de maio de 2009 às 12:12  
Blogger Meg disse...

Maria,

Realmente, o mundo é um lugar perigoso... e há coisas que escapam à minha capacidade de entendimento.
Boa semana

24 de maio de 2009 às 18:10  
Blogger São disse...

Assino por baixo!

Principalmente hoje, que é o Dia das Crianças Desaparecidas!

Bem hajas, amiga!

25 de maio de 2009 às 11:14  
Blogger Avelaneira Florida disse...

Querida Maria Faia,

ainda assim, acreditemos que o ser humano terá capacidade de não o destruir completamente!!!!!

Uma boa semana!!!!
Bjkas!

25 de maio de 2009 às 23:23  
Blogger gaivota disse...

e deixam, deixam...
vêm, podem fazer alguma coisa, têm obrigação de travar certas coisas, mas...
deixam, deixam o mal continuar a acontecer!
é assim, vizinha!
beijinhos

27 de maio de 2009 às 10:55  
Blogger Bazar Topo de Gama disse...

Boa reflexão!
Parabéns pela sensibilidade.
Beijinhos,
Claudia.

1 de junho de 2009 às 01:49  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial