quinta-feira, 30 de agosto de 2007

PARA TI JOANINHA...

Quisera o Homem entender, as maravilhas da Natureza...
Jamais seria capaz, de a tratar nem com pouca aspereza! Quisera o
Homem
amar a terra que seus pés pisam,
os oceanos que seus corpos banham...
Jamais seria capaz,
de maltratar tamanha obra divinal!
Com doce deleite,
se encantam os olhares,
com enlevo e enfeite,
nos delicia a obra dos mares!
Tempo de férias, de lazer e de alegria...
renova, retempera, carrega energia, Lembrança que fica e vive a cada dia!
Força das águas, erosão,
marcas do tempo, ou curso do curso da vida...
Ficam gravadas na imensidão,
dos oceanos e da vida marinha.
"Pensar em ti é coisa delicada,
é um diluir de tinta espessa e farta
e o passá-lo em finíssima aguada
com pincel de marta.
Um pesar grãos de nada em mínima balança
um armar de arames cauteloso e atento,
um proteger a chama contra o vento,
pentear cabelinhos de criança.
Um desembaraçar de linhas de costura
um correr sobre lã que ninguém saiba e oiça,
um planar de gaivota como um lábio a sorrir.
Penso em ti com tamanha ternura
como se fosses vidro ou película de loiça
que apenas com o penar te pudesses
partir."
in:Poesia de António Gedeão
Joaninha,
Dedico a ti, e à tua candura de menina de olhos doces, este lindo poema de Rómulo Vasco da Gama Carvalho (António Gedeão).
Um beijo muito grande,
Maria Faia

16 Comentários:

Blogger Freyja disse...

que mas hermoso que la naturaleza y disfrutar de ella en toda su plenitud
y que mas hermoso que este hermoso poema tan delicado y lleno de entrega se lo dediques a una gran amiga
mil gracias amiga por toda tu ternura que tienes conmigo y como me cobijas
te dejo muchos cariños y mucha suerte en en todo con ese trebol de 4 hojas para la suerte
eres una linda amiga y que estes muy bien, que mañana sea un lindo dia
mil besitos y mil gracias


besos y sueños

30 de agosto de 2007 às 04:39  
Blogger avelaneiraflorida disse...

Um poema lindo para uma JOANINHA que decerto o merece...

Fotografias muito bonitas...têm azul!!!!

UM BOM DIA!!!
BJKs

30 de agosto de 2007 às 08:23  
Blogger Lusófona disse...

Que lindo!!! Tanto as imagens quanto a homenagem.

Quem dera se o homem compreendesse a naturaza como a extensão do seu próprio ser....

Beijinhos e fica bem

30 de agosto de 2007 às 12:15  
Anonymous Joaninha disse...

Olá Maria Faia,

Obrigado por ter públicado as fotos estão lindas.

Muitos beijinhos da sua amiga Joaninha.

30 de agosto de 2007 às 12:33  
Anonymous Joaninha disse...

Olá,

DE todas as pessoas que já conheci a Alzira é uma das melhores, não admira que seja a dona do melhor blog do mundo.

Beijocas muito grandes da Joaninha

30 de agosto de 2007 às 12:45  
Blogger ANTONIO DELGADO disse...

Linda homenagem a uma menina que é de fato muito bonita. Também é linda a homenagem ao mar, à paisagem linda do Algarve...essa sim, um lindo poema!

Bjs.
António

30 de agosto de 2007 às 13:44  
Blogger papagueno disse...

Que sortuda a joaninha, receber tão belo poema de presente.
Beijinhos para as duas.

30 de agosto de 2007 às 14:01  
Anonymous aramis disse...

Querida amiga,

Mas que fotografias mais bonitas e sobretudo, bem tiradas!

O poema é maravilhoso ou não fosse do nosso Gedeão...
A tua Joaninha tem aqui uma lindíssima homenagem, estou certa que ela mereçe!

Cá para mim andam para aí umas saudadezinhas do Algarve, ou será que me engano?Hum...

Beijos e resto de uma boa semana - está quase a chegar a tão esperada 6ª feira à noite, inicio de descanso!

30 de agosto de 2007 às 15:20  
Blogger J.G. disse...

Muito bonito poema e lindas fotos.

Abraço

30 de agosto de 2007 às 17:47  
Blogger victor simoes disse...

Gostei imenso, parabéns! Aproveito para agradecer a visita ao Blog " A Voz do Povo".

Um abraço

30 de agosto de 2007 às 21:20  
Blogger lucia duarte disse...

olá maria
juntar gedeão, o sol radiante, o azul intenso do algarve e a homenagem a uma joaninha, só pode vir de um coração cheio de amor para dar.
irradia felicidade e brilho.
é por ser esse ser humano que é que sinto uma imensa alegria por ser minha amiga.
Nunca mude!

30 de agosto de 2007 às 21:36  
Blogger o guardião disse...

O Rómulo de Carvalho direitinho para a Joaninha.
As fotos metem inveja a quem já acabou as férias há muito tempo.
Cumps

30 de agosto de 2007 às 21:48  
Blogger Ludovicus Rex disse...

Bonito mimo.
Kiss

30 de agosto de 2007 às 22:08  
Blogger mãe global disse...

Maria,
Que fotos lindas! Dá vontade de mergulhar dentro delas e sentir a temperatura do ar e da água a nos refrescar. O poema também é belíssimo, parabéns pela escolha.

Vim matar as saudades e dizer que vou colocar um link no mãe global para o querubim.

Beijos,
Rosana

30 de agosto de 2007 às 22:55  
Blogger Carminda Pinho disse...

Que lindas fotos, Maria Faia.
Que linda homenagem à Joaninha.
Só pode ser alguém muito especial...e é tão linda a Joaninha.
Beijinhos

30 de agosto de 2007 às 23:44  
Anonymous Anónimo disse...

Lindas as suas fotos.
Parabéns.
Bj.

BVD

31 de agosto de 2007 às 01:44  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial